Últimas Notícias

Otan já admite ajuda militar adicional à Ucrânia inclusive com equipamentos contra armas químicas e biológicas

Jens Stoltenberg, secretário-geral da Otan. © Reuters/Gonzalo Fuentes/Direitos Reservados

Atualizado às 16:46

Jens Stoltenberg, secretário-geral da Otan - Organização do Tratado do Atlântico Norte, passou adimitir envio de reforço militar à Ucrânia, incluindo equipamento contra armas químicas e biológicas.

A utilização desse equipamento por parte da Rússia é um cenário que os Estados Unidos (EUA) têm considerado cada vez mais plausível.

Segundo Stoltenberg, adverte que isso constituiria “uma violação flagrante da lei internacional”, “alteraria completamente a natureza do conflito” e teria “consequências de grande alcance”.

Leia na íntegra na Agência Brasil

Nenhum comentário