Últimas Notícias

Maringá: Praça das Pernambucanas segue com obras de revitalização a todo vapor em 2022

Revitalização da Napoleão Moreira da Silva começa pela remoção do piso

A reforma da Praça Napoleão Moreira da Silva (Praça das Pernambucanas), no centro de Maringá, entrou em 2022 com as obras bem movimentadas. A praça foi cercada com tapumes no final de dezembro e agora a frente de trabalho consiste na remoção do piso.

Um trator quebra o calçamento, que estava bem deteriorado, e em breve outras partes serão removidas. A praça ganhará um novo piso dentro do projeto moderno, e que mantém as características históricas do local. A empresa Proec Engenharia fará a revitalização numa área de 13,5 mil m², com custo de R$ 3,7 milhões. 

Também serão removidas nos próximos dias as luminárias, a Academia da Terceira Idade, entre outros equipamentos. Na sequência, o espaço ganhará novas instalações. O projeto prevê a manutenção do busto em homenagem ao vereador e empresário Napoleão Moreira da Silva, dos bancos de cimento e do platô (área elevada no centro da praça), que receberão benfeitorias. As palmeiras do platô também permanecerão. 

Além da Secretaria de Obras que acompanha o trabalho, o projeto da reforma contou com a participação do Patrimônio Histórico, da Secretaria de Cultura, da Secretaria de Planejamento e do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Maringá (Ipplam). A previsão de entrega é agosto de 2022. 

HISTÓRIA - A Praça Napoleão Moreira da Silva foi criada no final da década de 1940. Porém, somente em 1962 foi urbanizada, com projeto do arquiteto José Augusto Bellucci, que assina outros pontos de Maringá, como a Catedral Nossa Senhora da Glória. 

A praça já abrigou a segunda rodoviária da cidade, o Bosque das Essências, ponto de carroceiros, terminal do transporte coletivo, manifestações políticas e religiosas, já recebeu a Casa do Papai Noel, entre outros. Atualmente, é um tradicional ponto de encontro de idosos, de crianças e de famílias em geral.







Nenhum comentário