Últimas Notícias

Robótica, educação financeira e novas plataformas, modernizam ensino público no Paraná

Robótica: Educação pública do Paraná passou por muitas transformações durante a pandemia

A educação pública do Paraná passou por muitas transformações durante o ano letivo de 2021. Primeiro, com as transições das aulas remotas para as híbridas. Depois, com o retorno presencial. No meio de todas essas mudanças, o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Educação e do Esporte (Seed-PR), investiu na modernização do ensino. O objetivo é ensinar mais e melhor, dando aos estudantes da rede públicas as oportunidades que eles e elas merecem.

Segundo o governador Carlos Massa Ratinho Junior, o objetivo é manter a evolução observada nos últimos anos, mesmo com as dificuldades e desafios da pandemia. "O Paraná deu um grande salto no Ideb em 2019 e, com o esforço coletivo de professores, pais, alunos e Estado queremos avançar ainda mais", disse.

Logo no início das aulas, a grande novidade foi a Educação Financeira, que entrou na matriz curricular do Ensino Médio com uma aula semanal para quase 400 mil alunos. O objetivo é ajudar os jovens a organizar as finanças e a contribuir com o planejamento do orçamento familiar. Com o Novo Ensino Médio e a ampliação da carga horária, o componente passará a ter duas aulas por semana.

Enquanto isso, o Redação Paraná foi implantado em toda a rede estadual. Projeto-piloto no fim de 2020, a plataforma com inteligência artificial para o desenvolvimento de produção textual foi aos poucos entrando na rotina dos professores de Língua Portuguesa.

Nenhum comentário