Últimas Notícias

Ricardo Barros e comitiva do presidente Bolsonaro preparam inauguração da ampliação do aeroporto de Maringá

Com o teste negativo para Covid, e a chegada da comitiva presidencial na cidade, está confirmadíssima a presença de Bolsonaro na inauguração da ampliação do aeroporto de Maringá.

Em Maringá, Ricardo Barros, líder do governo federal na Câmara dos Deputados, recebeu a equipe de segurança da comitiva do presidente Bolsonaro e equipe do Ministério de Infraestrutura para os preparativos da inauguração da ampliação da pista.

“Ao todo R$ 110 milhões entre obras e equipamentos, entre eles o ILS. Maringá logo será um HUB de cargas aéreas”, escreveu Barros em seu perfil no Twitter.

O evento está programado para acontecer na próxima sexta-feira, às 15:30 no Aeroporto Regional de Maringá.

Inicialmente, Bolsonaro estaria no Paraná na sexta-feira passada, 24 de setembro, quando ele passaria pelas cidades de Ponta Grossa, Castro e Piraí do Sul. Mas, Bolsonaro precisou fazer isolamento depois da viagem aos EUA e o seu compromisso em Ponta Grossa acabou sendo cancelado. Ele fez um teste RT-PCR de Covid-19 após ter tido contato frequente, durante a última semana, com pessoas da sua comitiva que viajaram à Assembleia-Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), em Nova York, e contraíram o vírus.

No domingo (26), Bolsonaro divulgou que seu teste deu negativo para Covid-19, daí a retomada da agenda.

Ampliação da pista

A pista passa a ter 2.380 metros de comprimento e 45 metros de largura, 162 metros mais longa do que a faixa principal do Afonso Pena, que tem 2.218 metros. Só é menor do que a pista do Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu, inaugurada em abril e construída majoritariamente com recursos de Itaipu, que passou a ter 2.858 metros, e é atualmente a maior do do Sul do Brasil.  O pátio do aeroporto de Maringá foi ampliado para 12 posições de estacionamento de aeronaves e o aeroporto passa a contar com o Sistema de Iluminação de Aproximação (ALS), que permite pousos mesmo em condições climáticas adversas.

As ampliações e modernizações são o sinal verde para o transporte internacional de carga. “É uma transformação em nosso aeroporto”, diz o prefeito Ulisses Maia (PSD), comemorando a possibilidade de o terminal passar a receber grandes aeronaves com lotação máxima de carga. No atendimento aos passageiros, Maringá terá voos diretos na alta temporada para Navegantes (SC), Rondonópolis e Cuiabá (MT) e Porto Seguro (BA).

Diferente de outros aeroportos, Maringá tem uma área muito grande em seu entorno, de cerca de 300 alqueires, sem nenhuma







Presidente Jair Bolsonaro e o deputado Ricardo Barros


Nenhum comentário