Últimas Notícias

Câmara de Maringá retoma projeto polêmico que tenta criar Conselho LGBT

O projeto que tenta criar Conselho LGBT é batante polêmico e promete agitar a cidade de Maringá nesta quinta, 2, grupos de direita e religiosos estão novamente se mobilizando.

Tentativa de criação do Conselho Municipal de Direitos LGBTI+ / Capa: RepórtervJota Silva

A Câmara de Maringá irá votar em segunda discussão nesta quinta-feira-feira, 02 de setembro, projeto de lei apresentado pelo Executivo que tenta criar o Conselho Municipal de Direitos LGBTI+.

O projeto que é bastante polêmico. Apesar de ter passado na primeira discussão, no dia 17 de agosto, a criação do conselho encontrou uma forte resistência da sociedade conservadora e religiosa de Maringá.

Dois dias, depois, a Câmara Municipal de Maringá ao realizar sessão, no dia 19 de agosto, data prevista para a segunda discussão do projeto, recebeu dezenas de cidadãos que uniram forças contrárias, se mobilizaram e protestaram contra a criação do Conselho LGBTI+. A proposta acabou sendo retirada de pauta por quatro sessões após a proposição de 20 emendas e pressão popular de religiosos liderados pela Ordem dos Pastores Evangélicos de Maringá (Opem) e por grupos de direita.

Diante de uma possível mobilização do público contra e a favor ao projeto, nesta quinta-feira (02) a Câmara Municipal que recentemente liberou a presença de público, baixou uma portaria definindo que serão distribuídas 25 senhas para cada um dos lados para quem desejar assistir a sessão ordinária no auditório do plenário, limitando em 50 pessoas, segundo o legislativo em função da pandemia.

A portaria estabelece que as senhas começarão a ser distribuídas às 8h30, uma hora antes do início da sessão. Segundo o que foi divulgado no portal GMC Oline, nas redes sociais há quem diga que vai chegar de madrugada para garantir lugar na sessão.

E você é contra ou a favor da criação do Conselho LGBT? Nas redes sociais, enquete quistiona a possibilidade da criação desse conselho extremamente polêmico. Veja: 










Um comentário:

  1. Por que criar esse conselho voltado para os gays? Eles também não discriminam outras pessoas? Tem hétero bom e hétero mau, tem gay bom e gay mau(principalmente mau). O problema está no ser humano, de todas as etnias, de todas as classes, o ser humano é preconceituoso, racista, mau, isso engloba todos os seres.

    ResponderExcluir