Últimas Notícias

Deputado Homero está prestes a abandonar o partido que o socorreu de uma cassação!

Foto meme/ Editado por Jota Silva

Por repórter Jota Silva

Hoje no Pros, o “desgastado” deputado Homero Marchese vai deixar o partido que o socorreu de uma possível cassação de mandado durante uma Comissão Processante na Câmara de Maringá quando ele era vereador do Partido Verde.

A informação é do Blog do Tupan de Curitiba. O Pros, partido que elegeu Homero Marchese (Ex-PV) em 2018 e proporcionou ao deputado um alívio já que ele certamente seria cassado, por irregularidades ao supostamente invadir sistema de vagas em creches, está preste a perder o representante na Assembleia Legislativa do Paraná.

Mais uma vez o deputado “birrento” Homero Figueiredo Lima e Marchese, possivelmente abandonará no meio do mandato um partido, já que ele era do PV e foi para o Pros (na última hora), agora é a vez do Republicanos acolher, dar guarida ao deputado de meio mandato e meio partido.

No Republicanos, Homero deixará a posição esquerdista do Pros e passar a ser base do governo Carlos Massa Ratinho Junior (PSD).

Segundo informações também do Blog do Tupan, Marchese vai tentar um upgrade político e buscar uma vaga na Câmara Federal, já que perdeu muito espaço em Maringá.

Em Maringá, Homero Marchese vem colecionando desafetos, perdendo a base de apoio e arrumando confusão com servidores públicos municipais e estaduais.

Em 2018 o deputado Homero Figueiredo Marchese quase sofre uma segunda comissão processante.

Maringá Post/Divulgação

Na época Marchese, publicou nas redes sociais denúncia de suposta ‘venda clandestina’ de latinhas de alumínio, porém quem vendia os recicláveis eram auxiliares operacionais (coletores) que usavan o dinheiro dos metais descartados no lixo pela sociedade para compor a renda familiar.

No dia 15, de fevereiro de 2018, cerca de 50 servidores da Secretaria Municipal de Serviços Públicos acompanharam a sessão da Câmara de Maringá, portando faixas com dizeres; “Abuso de poder é ilegal e imoral”, “Vereador, assédio moral é crime” e “Vereador, respeite o servidor(a)” referindo-se ao vereador Homero Figueiredo Lima e Marchese, que publicou nas redes sociais denúncia de ‘venda clandestina’ de latinhas de alumínio tentando difamar os servidores da coleta de lixo.

Em 2021 o desafeto aos servidores públicos continua

Recentemente Homero Marchese fez duas publicações falando mal dos salários recebidos por servidores da educação federal no estado e porque a prefeitura vacinou os servidores da educação de Maringá. Novamente o deputado “atacou por tabela” os trabalhadores.


Na primeira publicação do dia 09 de junho, Homero refere-se aos servidores da educação federal em universidades principalmente do estado do Paraná; “Professores de carreira são aprovados por concurso, o que significa que eles não podem ser demitidos, exceto em casos de falta gravíssima. O orçamento das universidades inclui também os aposentados. Na prática, cada professor que ingressa no sistema vai ser remunerado até o dia em que decidir pedir demissão. Além disso, a progressão de carreira significa que os salários aumentam automaticamente conforme os docentes acumulam tempo no serviço público... “

É claro que sim né Homero? A projeção é que dá ao profissional a certeza de reconhecimento ao longo dos anos! E mais, o seu descontentamento por que o estado não pode demitir um professor é um absurdo!

Em outra publicação,no dia 11 de junho, Homero refere-se aos servidores da educação do município de Maringá, veja trechos; “A prefeitura comunica que vai vacinar hoje todos os profissionais da educação básica, independentemente da idade... - A prefeitura só governa para uma minoria... “

Por mostra que não é simpatizante à classe de trabalhadores públicos, e também apontado por boa tarte da população maringaense como um representante inexpressivo na Assembleia Legislativa do Paraná, Marchese perdeu e vem perdendo popularidade em Maringá e região. Por esta razão, também segundo o Blog do Tupan, o deputado estadual Homero Marchese tentará buscar a vaga como Deputado Federal.

Sendo assim, o luxuoso, soberano e pomposo Homero Marchese, o deputado de meio mandato e meio partido, birrento e mimado da mamãe, que tentou discriminar servidores da coleta de lixo, por venda de latinhas, terá muito trabalho para buscar votos longe da região de Maringá, onde ele não é supostamente rejeitado e ao mesmo tempo, vai tentar fugir dos comentários dos servidores e da população que o elegeu. Boa sorte deputado, Rei Homero!


Fonte da informação: https://blogdotupan.com.br/2021/06/22/republicanos-ganha-deputado-na-janela-eleitoral/


Leia também:

 

 

Nenhum comentário