Últimas Notícias

Destroços do foguete chinês caem perto das Ilhas Maldivas

Foguete chinês “Longa Marcha-5B”

A queda do "foguete chinês descontrolado" foi confirmada na madrugada deste domingo (09). De acordo com a mídia estatal chinesa, a maior parte do foguete queimou e foi destruída na reentrada na atmosfera terrestre.

As informações indicam que a reentrada aconteceu às 00h24 e não atingiu qualquer área habitada. Conforme esperado, a região da reentrada foi no Oceano Índico, ao oeste das Ilhas Maldivas. Até o momento do fechamento desta notícia, imagens oficiais ainda não haviam sido divulgadas.

Apesar do alvoroço causado pela notícia da queda, especialistas haviam alertado que as chances de os detritos atingirem alguma área povoada era muito baixa, uma vez que a maior parte da superfície da Terra é coberta por água.

Antes de cair na região das Ilhas Maldivas, o foguete chinês descontrolado foi visto no céu de Santa Catarina. Ele foi flagrado por uma câmera de monitoramento localizada em uma estação de Monte Castelo, no Planalto Norte de Santa Catarina por volta das 18h30 da última sexta-feira (7). Veja no vídeo abaixo.

Segundo o G1, o registro da passagem do foguete foi feito pela estação do astrônomo amador Jocimar Justino, que também integra a Bramon e mora em Monte Castelo.

Foguete chinês descontrolado é visto no céu de Santa Catarina

Nenhum comentário