Últimas Notícias

“O momento é mais grave e precisa de medida mais duras”, diz Ricardo Barros

O líder do governo na Câmara, deputado Ricardo Barros (PP/PR), afirmou nesta quarta-feira (17) que o Brasil vive “um momento mais grave e precisa de medidas mais duras”. Para Barros, o novo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, deve concentrar esforços para acelerar a vacinação e a entrega dos lotes já adquiridos. 

“Eu tenho confiança que o Marcelo Queiroga, médico, experimente, muito articulado com a classe política, saberá convencer o Governo de que esse momento da pandemia e diferente daquele do início. É mais grave e precisa de medidas mais duras”, disse em entrevista a GloboNews.

“A tarefa é acelerar a vacinação, negociar adiantamento da entrega de doses e trazer novos fornecedores. E com isso nós podemos avançar. Temos 38 mil salas de vacinação no Brasil, podemos rapidamente imunizar a população, mas é preciso ter vacinas entregues”, acrescentou.

Nenhum comentário